Publicado em 08.04.2019 às 09:08

Conhecimento pela arte

Das figuras e textos dos livros didáticos para uma expedição de descobertas através da arte. Bastou uma visita a 11 a Bienal de Artes Visuais do Mercosul para que a Escola Municipal de Ensino Fundamental Jardim Panorâmico, de Ivoti, percebesse que a prática de arte-educação é fundamental no processo de aprendizagem de qualquer disciplina. “A contextualização das manisfestações artísticas é uma ferramenta de tração para um ensino mais qualificado”, afirma o professor de Geografia Felipe Akauan, um dos três mentores do projeto Artes, Narrativas e Espaços, que envolveu os alunos dos 8 os anos e resultou na exposição Triângulo JP em 2018. A experiência foi tão positiva que os educadores da escola já estão trabalhando em novos projetos interdisciplinares para este ano letivo.

Intitulada Triângulo do Atlântico, a 11 a Bienal lançou um olhar sobre os destinos da América, da África e da Europa, interligados há mais de 500 anos. História, cultura e territorialidades indígenas e africanas que foram os fundamentos para os alunos explorarem e decodificarem sua realidade local, imersão trabalhada nas disciplinas de Português, Geografia e, como não poderia deixar de ser, em Artes. “Os estudantes realizaram pesquisa de campo junto a familiares e colegas da escola, contatos que possibilitaram o reconhecimento do legado e ogrande impacto da diáspora negra no Brasil”, conta. E a temática rendeu muitos questionamentos, interpretações, discussões e intervenções artísticas em sala de aula.

Diversidade explorada em três disciplinas

Não restam dúvidas do quanto foi bem-sucedido o projeto, ao viabilizar a interdisciplinaridade e a transposição dos limites do espaço escolar. Aproveitando toda a diversidade dos africanos e indígenas, as aulas de Geografia ganharam um domínio real e local do contexto explorado visualmente e pesquisado. Em Artes, houve a reprodução, releituras das obras vistas na Bienal. No campo das Linguagens, trabalharam a temática “mar”, que representa um elo entre lugares, culturas e pessoas, desenvolvendo e ilustrando poemas.